Mercado

Projeto de lei coloca doce de leite na merenda escolar gaúcha

Projeto agora segue para sanção do governador do Rio Grande do Sul

 

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul aprovou o projeto de lei 385/2006, que inclui o doce de leite na merenda escolar da rede pública estadual. Agora, a decisão segue para sanção do governador.

O autor da proposta foi o deputado Edson Brum (MDB). Para ele, o doce de leite deveria constar da dieta de crianças e adolescentes “não só pelo seu valor nutritivo, como também pelas condições de preço na sua aquisição”, já que o estado é um dos principais produtores de laticínios do país.

Com voto contra a medida, a deputada Sofia Cavedon (PT) apresentou um aviso sobre a regulação da alimentação das crianças no âmbito escolar. "Há pesquisas nacionais e em Porto Alegre que dizem que as crianças estão obesas desde a educação infantil. Há uma obesidade por excesso de açúcar e falta de alimentos balanceados".

Em 2007, quando ainda estava na Assembleia, o atual prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior (PSDB), apresentou um parecer contrário à medida. Ela permaneceu arquivada na Comissão de Constituição e Justiça por mais de uma década, até que, em março deste ano, o deputado Elton Weber (PSB) emitiu parecer favorável, aprovado pela CCJ.

 

Leia também: Fábrica de Bolo Vó Alzira relança bolo que deu início à marca

Leia também: Comércio eletrônico paulista comemora avanço de 10,5% em seis meses

 

Fonte: Primeira Página, com matéria do Portal G1

Redes Sociais